sábado, 5 de novembro de 2016

Um novo começo...

Não tem nada haver do que vocês estão pensando nesse exato momento. Lembram de alguns textos de reflexão onde eu fazia uma Big postagem, só sobre um assunto? Bom eu estou com vontade de fazer isso, entendi? Que será adicionado a subdivisão: reflexão. Que espero sinceramente que vocês gostem. Mas espera ai! Antes de começar saiba que esse não será um texto solo, e terá continuações.


Felicidade

 
O que poderíamos dizer dessa sensação? Esse sentimento? Mas o que ele é na realidade? Acredito que seja um reflexo das coisas boas, dos olhos de quem vê. Sentir felicidade então seria a abolição da tristeza? Ou a superação dela? Pra mim, exclusivamente a felicidade é que nem o calor, que se torna frio em sua ausência. A felicidade para uns é poder ficar em casa, para outros é poder sair dela. A felicidade é relativa, nem força, nem pressionada, mais expressiva. Algo que demonstra que tudo o que o circunda é bom, da sua própria maneira, algo que não necessariamente te beneficia em forma de amor. Ai, bem nesse ponte, percebemos que a busca da felicidade é apenas uma metáfora, pois a felicidade não está lá fora, está dentro de você. A tristeza é apenas uma reação que nós temos pela ausência da felicidade. Pois ela se torna necessária, me diga uma vez em que você ficou triste por algo que a bom pra você. Mas também não se pode viver sem as tristeza. Pois ela são os "degraus" onde é necessário subir para que se atinja a tão sonhada sensação de felicidade, algo que deve ser superado que tenhamos uma base, algo que nos de forças para continuar a nossa batalha pelo que acreditamos, a realização de um sonho, que por menor que seja, a partir daquele momento se torna a maior das conquistas. Ser feliz não precisa ser uma obsessão, como muitos pensam. A felicidade se torna um pouco "raro" quando pensamos por quantas vezes ficamos tristes em nossas vidas. Mesmo que você seja feliz sua vida inteira, perceba o quanto ela é falsa. Onde o consumo nos engana e nos atraia como se precisássemos dela para ser felizes. Procuramos muitas vezes a felicidade dentro do celular mais novo, ou daquela roupa nova, mas o que elas significam? Que necessitamos delas, mesmo que em nossa nascença nem soubéssemos que ela sequer existiria. Ser feliz por receber, ou o ato de posse não é algo egoísta, quando somos independentes delas. Mais saiba que toda esse ato de ficar "feliz" não é por você, mais pelo outro. Por ter conseguido um emprego na confecção de roupas, e conseguir trazer até a loja, e por fim chegar até nos. Mesmo que nós possuirmos a felicidade dentro de nós, ela não nos satisfaz, sempre a adquirimos ela por meio de alguém. E é por esse motivo que pessoas solitárias, sozinhas ou até fachadas nunca adquiriram essa famosa e tão sonhada felicidade. Aquela pessoa com o olhar fechado, se chateando pelo dia ruim que passou, sonhando com o futuro, que não se toca que o presente é o futuro momentâneo, que não é ruim, ou bom, mas misterioso.